crimes virtuais no brasil

Crimes virtuais no Brasil: saiba quais são e como se proteger

Ter senso crítico e evitar algumas ações pela internet nem sempre livram o usuário de crimes virtuais no Brasil, mas conhecê-los e saber como agir são essenciais para proteger sua privacidade.

O cibercrime são práticas ilegais dos mais variados tipos que acontecem no ambiente virtual. Eles vão desde roubo de dados até mesmo práticas de injúria, podendo levar até aqueles que não são diretamente ligados a uma pessoa, mas invasão de empresas ou jogos ilegais, por exemplo.

No Brasil, somente no segundo trimestre do ano, já foram registrados mais de 15 bilhões de ataques virtuais, de acordo com a Fortinet. Se você quer saber como eles acontecem e precisa se proteger, continue a leitura deste conteúdo agora mesmo!

Quais são os tipos de crimes virtuais?

São três tipos os mais conhecidos:

  • cibercrimes puros; são aqueles em que o alvo de infratores é o computador, ou seja, há um ataque contra o sistema operacional ou software de uma empresa;
  • cibercrimes comuns: são aqueles que pessoas comuns são roubadas ou invadidas por meio de acessos de computador ou celular;
  • cibercrimes mistos: são os que o computador serve para uso de jogos ilegais, por exemplo.

Conheça agora mais detalhes sobre os tipos de crimes virtuais cometidos no Brasil nos últimos anos e saiba como se proteger.

Furtos de dados

Um dos crimes mais comuns dos últimos tempos está relacionado ao furto de dados e, por vezes, nem percebemos que estamos ajudando uma fraude com isso. Sabe quando você participa de algum sorteio ou faz algum teste na internet e deixa ali seu e-mail, por exemplo? Você pode ser vítima dessas pessoas ao permitir algo nas entrelinhas que não percebeu antes.

De acordo com o Código Penal Brasileiro, é crime a partir do momento em que o usuário é induzido ao erro, entre outras palavras, quando você faz algo sem perceber porque as informações não estavam expostas da maneira correta e o próximo usou seus dados sem permissão.

Golpe de cartão de crédito ou boleto bancário

Entre os crimes virtuais no Brasil, estão os golpes com cartão de crédito ou boleto bancário. Já falamos no blog sobre como você deve se proteger ao realizar uma compra na internet, porém, além da clonagem do cartão, os criminosos ainda usam falsos boletos para pagamento de contas.

Quantas vezes você já recebeu aquele e-mail com destinatário parecido com o seu banco e nem percebeu que era falso? Saiba que ao clicar nos links que estão no e-mail, pode ser feito um pagamento de algo que nem mesmo está em atraso ou pertence a você.

Além disso, ao clicar nesses e-mails, você também permite que seu computador seja invadido por vírus que vão detectar suas senhas de acesso, podendo chegar até mesmo aos dados bancários. A proteção com antivírus no computador e até mesmo no celular é essencial nesses momentos.

Invasão de dispositivo

Você já ouviu falar do golpe pelo WhatsApp em que uma pessoa manda mensagem pedindo dinheiro para os amigos e contatos? Saiba que essa prática não passa de um golpe de invasão de dispositivo.

segurança digitalPowered by Rock Convert

Como as redes sociais não escapam dos criminosos, usar um antivírus, proteger seu aplicativo por senha e não clicar em links recebidos por ali é essencial a fim de se proteger.

Além disso, caso aconteça com você, procure a polícia imediatamente para bloquear seu celular, poisa invasão pode acontecer com outros aplicativos, inclusive o de seu banco.

Porn revenge

Outro tipo de crime muito comum que acontece com mulheres não está relacionado apenas à invasão de dados ou links maliciosos, mas em relação à pornografia por vingança, ou porn revenge, que se dá por imagens ou vídeos íntimos expostos sem autorização.

Hoje em dia, essa prática já é reconhecida como crime pela polícia e leva o nome de Lei Carolina Dickmann após a atriz ter sido vítima de criminosos. Além disso, é crime também quando a pessoa é coagida a produzir essas mídias.

Nem sempre é fácil identificar quem está trás dessas invasões ou compartilhamentos de imagens pessoais, mas é muito importante sempre denunciar. Eles estão espalhados por toda parte e usam nomes e imagens falsas para criarem suas contas e praticarem esses delitos com outras pessoas.

Crimes de ódio

Assim como os casos de vingança, também é muito comum a prática de ódio por meio de comentários nas redes sociais, além de xingamentos e falas racistas.

É muito simples criar um usuário e se passar por qualquer pessoa para difamar alguém, no entanto é preciso denunciar esses atos tanto nas redes sociais quanto para a polícia.

Preconceito e discriminação por raça ou religião é crime previsto no Código Penal Brasileiro. Sempre que identificar algo desse gênero, é possível apontar aos setores responsáveis.

Como se proteger de crimes virtuais no Brasil?

Como você percebeu, essas maldades acontecem a todo momento e, muitas vezes, sequer percebemos o quanto estamos expostos a isso. Apesar de já acontecerem desde a década de 80, nos últimos anos, têm se intensificado e surgido novos golpes por aí. Dessa forma, algumas dicas são essenciais para sua proteção, como:

  • não acessar computadores de desconhecidos;
  • utilizar somente wi-fi de pessoas ou empresas conhecidas;
  • evitar fazer login em sites a cada acesso;
  • verificar a veracidade da página que está acessando;
  • certificar-se do destinatário do e-mail e não abrir caso desconfie de algo;
  • ter um antivírus de qualidade;
  • jamais fornecer dados a desconhecidos ou pagar algo que não está em aberto;
  • não baixar aplicativos por outro meio além da loja do celular, como Google Play ou App Store;
  • não mandar fotos pessoais e íntimas para conhecidos e, menos ainda, a desconhecidos;
  • não usar recursos falsos como programas de computador.

A cada descoberta da polícia a respeito de crimes virtuais no Brasil, os golpistas se renovam. Por isso, todo cuidado é pouco. Ademais, é importante ficar atento às notícias e às divulgações de canais de comunicação a respeito de novos golpes que são praticados no país.

Gostou deste post? Quer ficar por dentro deste e de outros assuntos para sua proteção de acesso? Siga nossas redes sociais e acompanhe nossos conteúdos. Estamos no Facebook, Instagram e YouTube.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.